copyright © Nathalia Favaro 2018

XILOMA, 2019
lápis sobre papel  / pencil on paper 
21x29,7cm cada / each

Este trabalho foi desenvolvido durante uma imersão na Floresta Amazônica com pesquisadores do LMF - Laboratório de Manejo Florestal, do INPA, em Manaus, Brasil. Neste contexto aprendi sobre o ecossistema da floresta, fluxo de água, fotossíntese e manejo de espécies. 
Quando uma árvore é derrubada para a indústria madeireira, apenas 30% do seu tronco é utilizado comercialmente. Essa porcentagem equivale a parte interior do árvore, que é a parte mais rígida e serve de sustentação. A parte externa, o xiloma ativo ou a "pele da árvore" é mais "mole" devido ao fluxo de água e sais minerais, como um rio vertical no seu tronco.
Os desenhos representam imaginariamente essa área de vida e fluxo a partir de um corte transversal no tronco das árvores. 
+
This work was developed during an immersion in the Amazon Rainforest with researchers from LMF - INPA Forest Management Laboratory, in Manaus, Brazil. In this context, we learned about the forest ecosystem, water flow, photosynthesis and species management.
When a tree is cut down for a logging industry, only 30% of its trunk is used commercially. This percentage is equivalent to the inner part of the tree, which is the hardest and supports her. An outer, the xiloma ativo, the "skin of the tree" is responsible for the flow of water and minerals, like a vertical river in its trunk.
The drawings imaginatively represent this area of ​​life and the flow from a cross section of the tree trunk.