copyright © Nathalia Favaro 2018

INTERVALO
Brasil, 2019.
4'12''
Este trabalho foi desenvolvido durante a Residência artística Labverde, na Floresta Amazônica, em Manaus, Brasil. em 2018.
Na tentativa de experienciar um espaço em constante ação e transformação, quase não identificável como a Floresta Amazônica, o trabalho sugere, a partir da variação e intensidade de luz, a descoberta de um lugar que não entendemos por completo. Na Floresta Amazônica, por ser uma mata fechada, quase não vemos a entrada de luz e consequentemente não percebemos as nuâncias de sombra. 
O trabalho é um registro, em formato de video, do ato de caminhar pela Reserva Adolfo Ducke, com uma folha de papel em branco nas mãos, na tentativa de revelar o espaço entre as coisas, um espaço que é luz e sombra e que só existe neste contexto, em um intervalo de tempo. 
+
This work was developed during the Labverde Artistic Residency in the Amazon Rainforest in Manaus, Brazil. in 2018.
In an attempt to experience a space in constant action and transformation, almost unidentifiable as the Amazon Rainforest, the work suggests, from the variation and intensity of light, the discovery of a place that we do not fully understand.
In the Amazon Forest, as it is a closed forest, we hardly see the light coming in and consequently we do not perceive the nuances of shadows.
The work is a video record of walking through the Adolfo Ducke Reserve, with a blank sheet of paper in my hands, trying to reveal the space in between things, a space that is light and shadow and only exists in this context, over a period of time.
www.labverde.com